Governador do Ceará prorroga decreto de isolamento; Fortaleza segue em lockdown até fim de maio

O governador do Ceará Camilo Santana prorrogou o decreto de isolamento social no Ceará até o dia 31 de maio, com manutenção do lockdown na capital. O anúncio foi feito em conjunto com o Prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio na noite desta quarta-feira (20) por meio de uma transmissão ao vivo nas redes sociais. Esta é a quinta vez que o governo estende o prazo do decreto desde início da pandemia no estado, em março.

Camilo reafirmou que vai apresentar plano com fases de retorno da economia do Ceará e, a partir de junho, retomar as atividades de forma gradual.

No dia 5 de maio, Camilo havia prorrogado o decreto pela quarta vez, com medidas mais rígidas de isolamento para a capital Fortaleza, que entrou em lockdown três dias depois, em 8 de maio. As medidas na capital incluíam a proibição de deslocamento de veículos e pessoas sem justificativa, além do uso obrigatório de máscara e instalação de barreiras sanitárias para fiscalizar o fluxo de carros nas entradas e saídas da cidade.

Tanto o governador quanto o prefeito ressaltaram nesta noite a necessidade do isolamento social, ainda que na capital, pela primeira vez haja uma tendência de estabilização de casos em Fortaleza, que segundo Camilo, deve se confirmar nas próximas semanas conforme os estudos científicos da equipe técnica governamental.

Mesmo com 2.139 leitos exclusivos para Covid-19 no Ceará, o sistema opera na capacidade máxima de atendimento. O estado superou os 30 mil casos da doença.

Fale conosco

Curta nossa página